segunda-feira, 28 de julho de 2014

Arroyo

"As violências infanto-juvenis e, sobretudo, os embates que vêm provocando podem destruir as crenças que
justificaram por séculos a Pedagogia: acreditar nas possibilidades de todo ser humano, desde a infância, se tornar humano, acreditar que toda criança-adolescente é perfectível. Quando essa crença inerente ou constituinte da Pedagogia se perde, o pensar e fazer pedagógicos perdem seu sentido histórico, social e cultural." 
(ARROYO, 2007).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eu aguardo as sementes que você possa vir a lançar. Depois selecioná-las e plantar.